Porque o Samouco não é só, o Largo e a praia com Lisboa ali do outro lado, decidimos agir e isso significa reflectir sobre... o resto aparece "per si", ou então não...

sábado, fevereiro 03, 2007

O “quase” Acidente, a Rotunda e decididamente o Buraco.

A industria das rotundas é um negócio em franco crescimento, pois já não sobra cruzamento nem entroncamento que não tenha uma, construída ou por construir, definitiva em cimento ou provisória com aqueles separadores de plástico vermelhos e brancos, com 20 metros de raio ou com 1 apenas.
E hoje quase tive um acidente quando entrei numa, precisamente na rotunda à entrada do Samouco, e como havia muitos automóveis (não quero exagerar, mas deviam ser, no mínimo, uns dois), não consegui sair, fui dando voltas bem junto ao centro, à espera de uma oportunidade, de tal forma que acabei por ficar tão tonto que quase fui chocar com o artefacto que existe no centro da rotunda. Agora me pergunto, aquilo já se encontra terminado ou está por acabar? Alguém me pode elucidar? É que tenho para mim que aquilo vai ficar assim, pedras soltas e quiçá pinturas e azulejos em falta…
Mas voltando à minha odisseia, enquanto deambulava no interior da dita rotunda, várias vezes os amortecedores do carro gritaram por misericórdia, porque no meio da via existe um “enorme e estrategicamente bem colocado ” buraco:



Agora digam lá, que acham do buraco ou tampa de algo que não sei que? a mim faz me impressão o dito, só quem tem de lá passar todos os dias pode avaliar! Eu sou um desses.
Para terminus. Do quase acidente não houve danos materiais (ainda!) mas houve alguns físicos que mais tarde divulgarei… Só por isto tudo que me aconteceu, acho que deviam limitar a circulação nas rotundas a um carro de cada vez.
Au revoir

Etiquetas:

3 Comments:

Blogger Tom Sawyer said...

Começo sériamente a pensar se o dito "problema", estaria realmente no velhinho Fiat Punto ou se será do condutor da dita viatura.
Passo a citar (os amortecedores do carro gritaram por misericórdia)???
Tens de ponderar melhor, é que já devias saber assim como todos os utentes daquelas estradas que a malta da Câmara Municipal, não tem mãos a medir com tanto trabalho árduo!!!
Mas se me permites um conselho; faz o que a maioria do pessoal costuma fazer perante uma situção dessas, utiliza o volante pra te desviares, afinal é pra isso que ele serve não???

03/02/07, 11:29

 
Anonymous bosh said...

Penso que as tonturas se devem a factores relacionados com o teu elevado consumo de cevada liquida, e para mim apenas criticas esta rotunda por ser parte integrante da Faixa de Gaza. Como me magoa muito ver que esqueceste as origens e tornaste-te numa "gaista" da pior especie, e não me venhas dizer que "ISSO É MENTIRA", porque "EU CONHEÇO-TE Á MAIS DE 30 ANOS"

08/02/07, 00:08

 
Blogger Tony said...

Obrigada a ambos pela recomendaçoes, e sim jamais esquecerei a minha infancia passada na aclamada ''faixa de gaza'' , propus à minha alma ficar a morar por lá, ela aceitou, desde então me sinto perdido...

10/02/07, 14:27

 

Enviar um comentário

<< Home